Sala de Aula

Nova edição do blog Sala de Aula


http://reridamaria.com.br/

Seguidores

terça-feira, janeiro 18, 2011

Teodoro Sampaio

Nascido em Santo Amaro, no Recôncavo Baiano, em 1855, filho da escrava Domingas da Paixão e do senhor de engenho Francisco Antônio da Costa Pinto, pai que nunca o legitimou. Na falta do pai, sua instrução foi assumida pelo tio, comendador  Manuel Lopes da Costa Pinto, que o enviou para São Paulo e, posteriormente, para um colégio interno (Colégio São Salvador) no Rio de Janeiro. No ano de 1877, aos 22 anos de idade, Teodoro Sampaio forma-se na recém-criada Escola Politécnica Fluminense, fazendo-se sócio do Instituto Politécnico Brasileiro.

Volta a Santo Amaro, na Bahia, onde nasceu. Ali, revê a mãe e os irmãos, e comprando, no ano seguinte, a carta de alforria de sua mãe e de seu irmão Martinho, gesto que repete com os irmãos Ezequiel (1882) e Matias (em 1884). Por ser filho de branco, Sampaio nunca fora um escravo.

Posteriormente ele, radica-se em São Paulo, onde inicia a carreira profissional de engenheiro civil.
Na trajetória desse importante intelectual brasileiro constam: a reconstrução do velho prédio da Faculdade de Medicina, no Terreiro de Jesus em Salvador; a sua eleição como Deputado Federal; a publicação de obras importantes como O Tupi na geografia nacional (1901), Atlas dos Estados Unidos do Brasil (1908), A posse do Brasil Meridional, e outros.

 Sua nomeação para diretor da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras da recém-inaugurada Universidade de São Paulo (USP) foi muito importante para o fortalecimento da principal universidade do país, uma vez que foi responsável pela vinda de grandes intelectuais internacionais para compor o corpo docente da USP.

Nenhum comentário:

Postar um comentário